Motorista de carro elétrico é mais propenso à psicopatia, revela estudo

O levantamento britânico ainda aponta que donos de BMW e veículos dourados tem mais tendências psicopatas do que outros motoristas
BMW i3 dourado

Por Diário Motor

O portal britânico Scrap Car Comparison realizou uma pesquisa para lá de diferente, que avalia o nível de psicopatia entre os proprietários de veículos, levantando qual marca, tipo de combustível e cor tendem a ser escolhidos por psicopatas. Os “vencedores” foram modelos da BMW, carros elétricos e pintura dourada. 

Psicopatia combustíveis
Índice de psicopatia entre motoristas por tipo de combustível do carro.

Entre os tipos de combustíveis, os motoristas que apresentaram, em média, as pontuações mais altas (16,0 pontos) — de todo o estudo, inclusive –, chegando próximo da “possível psicopatia” foram os que conduzem veículos elétricos. A pesquisa aponta que, mesmo com a preocupação ambiental, este tipo de condutor pode ter tendências psicopatas. 

Psicopatia carros
Índice de psicopatia entre motoristas por marca do carro.

O alerta sobre a eletrificação, pode ser visto também pelo segundo lugar na categoria “combustível”. Os carros híbridos apresentaram quase 10 pontos dos 36 possíveis, seguidos por diesel (7,0) e gasolina (5,2). 

Entre as marcas, a BMW foi a “grande vencedora” com 12,1 pontos, quase que o dobro da média do estudo, que foi de 6,6 pontos. A alemã é seguida por outra compatriota, a Audi, com 11,7. A Fiat fecha o pódio com 7,0 pontos. 

Sobre as cores dos veículos, a que teve maior pontuação é uma rara de se ver nas ruas brasileiras, a dourado, com 12,7 pontos. Ela foi seguida por outras duas difíceis de se ver também, o marrom (12,2) e verde (8,5). 

O estudo 

O estudo, feito em parceria com uma empresa de pesquisas, ouviu dois mil motoristas do Reino Unido que, além de responderem as perguntas sobre qual marca, tipo de combustível e cor, fizeram um teste de psicopatia criado por um centro de saúde mental britânico.

Psicopatia cores
Índice de psicopatia entre motoristas por cor do carro.

A avaliação, que indica o quão provável é uma pessoa mostrar traços de psicopatia, incluindo charme superficial, senso grandioso de autoestima e falta de remorso ou culpa, tem 12 perguntas com pontuação final máxima de 36 pontos. Entre zero e 18, a pessoa não apresenta psicopatia. De 19 a 26, tem possível tendência psicopata. E acima de 27, há provável psicopatia.

A partir dos resultados, o Scrap Car calculou a pontuação média para cada grupo de motoristas. O portal afirma que, embora as descobertas do estudo sejam interessantes, nenhum dos motoristas pesquisados apresentou pontuações altas o suficiente para sugerir que possuem traços claros que, normalmente, psicopatas exibem. 

Além disso, eles frisam que é importante afirmar também que a psicopatia é uma condição que afeta vidas e, portanto, deve ser levada a sério e, qualquer dúvida sobre o tema, ou outro de saúde mental, tem que se procurar ajuda especializada.

Anuncie aqui
bannerads_neder