Família renovada, Honda apresenta City nas versões sedã e hatch

Produzidos no Brasil, os modelos compactos chegam em 2022 às lojas da marca e contam com inéditos itens de segurança para a categoria
Honda City e City Hatcback 2022.

Por Diário Motor

A Honda apresenta a quinta geração do City, o sedã compacto premium chega repleto de novidades. A maior delas é uma nova carroceria, além da três volumes, o modelo também terá uma versão hatch. Além disso, ele recebe o inovador pacote de segurança Sensing. 

Ambos os modelos chegarão em 2022, mas o sedã entra em pré-venda agora em novembro, enquanto o hatch apenas em janeiro. Dessa forma, a Honda divulgou apenas os preços do três volumes, que terá três versões partindo de R$ 108.300.

Honda City 2022.
Honda City 2022.

Basicamente, a única diferença entre os dois é a carroceria. De resto, tudo igual, da motorização aos equipamentos. O estranho é que a Honda afirma que o motor é completamente novo, recém desenvolvido, mas não adere a onda do downsizing utilizando turbocompressores. A caixa é uma aspirada 1.5 de 126 cavalos, aliada a transmissão CVT.

O sedã cresceu em comprimento (94mm) e largura (53mm), em relação à geração anterior, mas está mais baixo (8mm). Além disso, o entre-eixos também está maior, em 79mm. Já o Hatchback, a Honda compara com o Fit (que sai de linha com a chegada da família City), ele é 245mm maior, 54mm mais largo, 38mm mais baixo e tem 70mm a mais de entre-eixos que o monovolume. 

Evolução visual

Honda City Hatcback 2022.
Honda City Hatcback 2022.

Visualmente falando, a única coisa que difere os dois modelos, obviamente, é a traseira. De resto, com exceção de um pequeno detalhe na grade dianteira, é tudo igual. Por dentro e por fora. O City evoluiu e segue o novo padrão mundial da marca, sendo o primeiro modelo a adotar a nova identidade visual da Honda no Brasil. 

Os modelos apresentam um design sóbrio e elegante. Os faróis combinam bem com a parte inicial da barra dianteira, que exagera no cromado, envolvendo quase todo o logo da marca. Um ponto interessante é que as rodas são de 16 polegadas em todas as versões. As elegantes lanternas contam com luz de posição em LED e avançam pela lateral dos veículos.

Honda City 2022.
Honda City 2022.

O interior, totalmente novo, está mais moderno, destaque para a grande tela da central multimídia e para o painel de instrumentos com display de sete polegadas. Como em outros modelos da marca, a família City conta com dois tipos de acabamento, as opções de topo de linha contam com cabine em couro claro, já as demais são em preto. 

Um grande diferencial do City Hachback são os assentos. Assim como o agora falecido Fit e os SUVs WR-V e HR-V, o hatch conta com o sistema “Magic Seat” de modularidade de bancos, permitindo quatro distintas configurações (Utility, Long, Tall e Refresh) para poder levar grandes objetos dentro do veículo.

Novo, mas antigo

Honda City 2022.
Honda City 2022.

Como falamos, apesar de novo, o motor do City é ultrapassado. A Honda optou por manter uma caixa aspirada em vez de investir em uma turbinada, como a maioria da concorrência. O propulsor 1.5 tem injeção direta de combustível. Pelo menos, agora ele está mais potente, gerando 126 cavalos (contra 116 do anterior), o torque é de 15,8kgfm. 

Aliado ao câmbio automático CVT, que também passou por uma atualização e mantém o uso de sete velocidades virtuais, com opção de troca manual nas borboletas do volante, o City sedã tem um consumo de 13,1km/l com gasolina na cidade, já o hatch, faz média de 13,3km/l, segundo dados do Inmetro. 

As versões

Honda City 2022.
Honda City 2022.

A Honda aposta em um diferencial para o City, os equipamentos. Desde a versão de entrada, a EX (R$ 108.300), ele é bem recheado com chave sensorial para abertura das portas e partida do motor por botão, ar-condicionado digital com saída para a traseira, central multimídia com tela de oito polegadas e conectividade sem fio para smartphones. 

Ele ainda vem com controles de tração e estabilidade, auxiliar de partida em rampa, seis airbags (frontais, laterais e do tipo cortina), monitoramento de pressão dos pneus e câmera de ré. 

Honda City 2022.
Honda City 2022.

A EXL (R$ 114.700) ganha sensores de estacionamento traseiro, bancos em couro, painel de instrumentos com tela digital TFT de sete polegadas, o ar-condicionado passa a ser automático e LaneWatch (mas apenas na topo de linha do hatch). A Touring (R$ 123.100), acrescenta sensor de estacionamento dianteiro, retrovisor eletrocrômico e sistema Sensing. 

O pacote Sensing é o grande diferencial do City para os concorrentes. No compacto, ele contará com cinco funções: piloto automático adaptativo, auxiliar de frenagem de emergência, assistente de permanência em faixa, alerta de saída de pista e farol alto automático.

Anuncie aqui
bannerads_neder