Em reformulação, Citroën confirma van elétrica Ë-Jumpy no Brasil

O modelo, primeiro eletrificado da montadora no país, chega ainda em 2021 e faz parte do novo plano de crescimento da marca
Citroën Ë-Jumpy

Por Diário Motor

Com a fusão da Fiat Chrysler com Peugeot Citroën e a consequente criação da gigante Stellantis, as montadoras do novo grupo estão passando por reformulações pensando no futuro. A última a divulgar os planos para os próximos anos, mas especificamente no Brasil e América do Sul, foi a Citroën.

Batizado de Citroën 4 ALL, o plano de negócios da marca se orienta nos pilares de inovação, proximidade com as pessoas e sustentabilidade, seja na forma única de se comunicar ou no desenvolvimento dos produtos tecnológicos e acessíveis aos clientes.

O plano prevê um crescimento de 4% da francesa no mercado brasileiro, de duplicar a participação de mercado na Argentina, chegando a 7%, superar os 3% de participação no Chile e crescer em ofertas de produtos e volume de vendas também em todos os países que a marca está presente na região. O que deve proporcionar a montadora uma participação de 4% no mercado na América do Sul até o fim de 2024.

E, claro, que essa transformação passa por novos produtos. A marca já anunciou o novo C3, que será produzido na planta do grupo em Resende, interior do Rio de Janeiro. Agora, ela apresenta uma outra novidade, o Ë-Jumpy, primeiro modelo 100% elétrico da francesa no Brasil.

O lançamento, que representa o primeiro capítulo do plano de eletrificação da marca no país, chega ainda em 2021. Segundo a montadora, a van elétrica será um parceiro ideal para atender às necessidades de mobilidade dos mais variados tipos de profissionais.

A marca afirma que esse é somente o primeiro movimento do planejamento de eletrificação da Citroën no Brasil e na América do Sul. A francesa tem uma forte estratégia nesta direção para todos os países da região, tanto para veículos comerciais, como para veículos de passeio.

“Muito além de produto, a Citroën sempre foi uma marca inovadora em soluções de mobilidade, onde inúmeras iniciativas como essa têm sido apresentadas globalmente. Nós da América do Sul estamos sempre atentos para aproveitar da melhor forma essas oportunidades e seguimos estudando maneiras mais sustentáveis de trazer cada vez mais essas soluções aos consumidores da região”, aponta Vanessa Castanho, head da Citroën na América do Sul.

Anuncie aqui
bannerads_neder